Dengue já acende sinal de alerta na região

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Com a chegada do verão, o sinal de alerta para a dengue voltou a ser aceso na microrregião de Frederico Westphalen. O primeiro caso de dengue autóctone (quando o vírus circula no município), teria sido registrado em Três Passos, mas o caso permanece em investigação, já que o teste teria positivado também para coronavírus.

Apesar do único caso, até o momento, as ações deverão ser intensificadas na região. “É importante que os municípios se organizem e façam as ações. Claro, que a gente sabe que 2020 foi um ano atípico, que o agente de endemias tinha que ter cuidado durante as visitas, mas a fiscalização deve continuar”, ressaltou o médico veterinário da 2ª Coordenadoria Regional de Saúde (2ª CRS), Mauro Dornelles.

Com a investigação, as Secretarias Municipais de Saúde já estão sendo informadas sobre as próximas ações que deverão ser adotadas.

– Estamos informando novamente todas as secretarias municipais de saúde e, este ano, vamos ter que fazer novamente uma grande intensificação das campanhas domiciliares. Em dezembro fizeram uma pesquisa para saber os índices de infestação, e tivemos municípios com médio e alto risco de surto de dengue, e conversamos com os gestores pensando nesse verão 2020/2021 que começou – destacou Dornelles.

Em 2020, foram confirmados 722 casos autóctones na região de abrangência da 2ª CRS. Três Passos, Palmitinho, Taquaruçu do Sul, Bom Progresso, Liberato Salzano, FW, Esperança do Sul, Seberi, Erval Seco, foram os municípios que mais tiveram registros da doença. “Houve uma grande transmissão viral em 2020. Esses municípios tem que ficar em alerta porque em algum momento o vírus esteve em circulação”, disse o médico veterinário.

Por: Folha do Noroeste 

Doce Sabor
Side3

Acompanhe no Facebook

Posts Relacionadoas