Major Aguiar: Se a Brigada tiver que agir com repressão, vamos agir

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

As aglomerações em praças são temas recorrentes nas redes sociais, em Frederico Westphalen, principalmente, após vídeos que circularam após a presença de centenas de pessoas, no fim de semana, na Praça da URI, localizada no bairro Itapagé.

Em entrevista na manhã desta terça-feira, 20, o Comandante do 37º Batalhão de Polícia Militar (37º BPM), Major Carlos Alberto Aguiar Júnior, afirmou que estão sendo debatidas medidas que visam coibir aglomerações em praças.

– Se a Brigada tiver que agir com repressão, vamos agir. É bem mais complexo do que parece. O que vai acontecer? Vai fechar tudo, vai mudar o comportamento? Vai para casa dormir? Não! Vão procurar ir para os locais mais escondidos, os loteamentos. É bem delicado, entendo os moradores no entorno das praças, a gente compreende, mas não temos ainda uma fórmula resolvida. Estamos vivendo em um momento muito difícil, é um momento muito estressante. As pessoas estão usando isso para botar pilha na política, isso é o pior de tudo. Chegamos a conclusão de que boa parte ali não estão nem aí para Covid e eleição, é festa, droga e álcool, essa é a constatação que a gente tem – destacou.

Está sendo estudado a elaboração de um decreto que determina o horário que as pessoas poderão utilizar as praças públicas. Até o fechamento desta notícia, a prefeitura não havia divulgado nenhum novo decreto sobre o tema.

Por: Folha do Noroeste 

Doce Sabor
Side3

Acompanhe no Facebook

Posts Relacionadoas

Morre o argentino Diego Maradona

O jornal argentino Clarín, informa em seu portal a morte do ex-atleta argentino Diego Maradona. Segundo o portal e o canal de televisão CNN Brasil,